ENXERGA-TE …


Por Anselm Grün No silêncio, não olhamos para as pessoas, olhamos para nós mesmos e nos confrontamos com aquilo que descobrimos dentro de nós. Se não conhecemos as condições sob as quais reagiu, nós nos proibimos a formulação de qualquer juízo e permitimos, em vez disso, que a […]